Quiere comprar pastillas de potencia Venda De Viagra Brasil La entrega de tabletas se produce en la normal imperceptible el sobre y se respeta la confidencialidad de la.

Artistas abrem exposições na Casa das Onze Janelas

Artistas abrem exposições na Casa das Onze Janelas

Teodoro Negrão e Keyla Sobral expõem trabalhos até 28 de março
Artistas abrem exposições na Casa das Onze Janelas

Os artistas Teodoro Negrão e Keyla Sobral inauguram duas exposições no Espaço Cultural Casa das Onze Janelas. Os trabalhos são resultado da Bolsa de Criação, Experimentação, Pesquisa e Divulgação Artística concedidas pelo antigo Instituto de Artes do Pará (IAP), atual Fundação Cultural do Pará.  

 

“Inhanga” é o resultado do projeto “Jóias orgânicas, um jogo de peso e força”, pesquisa que partiu de uma visão poética sobre o rio Inhangapi, nome que vem do tupi guarani e significa “caminho” e que deu nome ao município próximo a Castanhal. “Dentro do processo de pesquisa, experimentei texturas da prata, sua maleabilidade, tom, cores e também a prata com os materiais que coletei na floresta e no rio Inhangapi”, diz Teodoro Negrão.

 

“Faço isso só para chamar sua atenção”, de Keyla Sobral, é um misto de palavras e instalações que ganham destaque no mundo das artes e dos afetos. “Minha pesquisa é sobre a palavra, sobre uma narrativa de autoficção, fala sobre encontros e desencontros”, revela a artista. O processo de produção da série ocorreu entre desenhos de protótipos “amparados numa escrita incessante”. São instalações em neon que antes eram acompanhados de desenhos que foram suprimidos na exposição. “Quando retiro a imagem e fica só a palavra, o público tem a liberdade de construir para si mesmo as imagens”, detalha.

 

Iluminada pelo gás de neon, cada instalação apresentada na mostra volta-se para esse ser ausente, a quem a artista busca chamar a atenção e que pode ser outro alguém, a partir dos afetos do público que está diante da obra. A exposição traz estórias ficcionais nascidas dessa viagem por desenhos e palavras.  

 

A exposição prossegue aberta para visitação até 28 de março, nas salas Gratuliano Bibas e no Laboratório das Artes do Espaço Cultural Casa das Onze Janelas.