Quiere comprar pastillas de potencia Venda De Viagra Brasil La entrega de tabletas se produce en la normal imperceptible el sobre y se respeta la confidencialidad de la.

Feira do Som completa 45 anos no ar!

Rádio Cultura

Feira do Som completa 45 anos no ar!

Conheça a história do programa que é cara da Rádio Cultura FM!
Publicado em 28/02/2017
Conheça a história do programa que é cara da Rádio Cultura FM!
Foto em destaque

Foto: Camila Lima

 

No dia 1º de março de 1972, há exatos 45 anos, estreava o programa radiofônico “Feira do Som”. Era a realização de um sonho adolescente, nas palavras de Edgar Augusto, apresentador e idealizador do programa que hoje é a cara da Rádio Cultura FM.

 

“Eu sempre ouvi muito rádio, acompanhava programas informativos e havia um programa na Rádio Clube, em 1969, que eu acompanhava na hora do almoço: era o Pocket Show, de um publicitário chamado Roselino Franco. Ele pegava um fusquinha que ele tinha e toda manhã ia ao aeroporto, pegava jornais do Rio e de São Paulo e tirava notícias sobre música, sobre arte todos os dias, eu não perdia e achava aquilo lindo, era fã do Rosenildo”, conta Edgar Augusto.

 

Foi com essa inspiração, que Edgar Augusto teve a ideia de criar um programa que destacasse a música local e regional. E o nome, criado pelo irmão Edyr Augusto Proença, hoje escritor, veio muito a calhar. “Numa Feira você chega e encontra de tudo, basta você pesquisar. Nós achamos que seria o nome. Na hora eu topei!”, disse Edgar.

 

Edgar e Edyr apresentaram juntos o programa até 1976, na PRC – 5, a Rádio Clube. Na Clube, o programa ficou de 1972 a 1982, passando depois para a Rádio Cidade Morena, hoje Jovem Pan, onde permaneceu até 1985. Na Rádio Cultura estreou em 1986. E nesses 45 anos de história, a “Feira do Som” já recebeu artistas como Alceu Valença, Elba Ramalho e Paulinho da Viola.

 

E é com a naturalidade de quem conversa com um amigo, que Edgar Augusto conduz o programa. Com o apoio da produtora Alessandra Caleja, Edgar mantém um desafio diário para o ouvinte. “Pra tentar atrair mais pessoas, pra estimular, eu decidi dar prêmios. Agora, tem um custo esse prêmio, vocês vão responder as perguntas que eu fizer. E as perguntas são sempre relativas à memória aqui da cidade para que as pessoas pesquisem a história da sua cidade. É uma contribuição cultural. Uma das funções da Feira pra mim é Cultural”, acredita.

 

No decorrer de todos esses anos, o programa foi adotando novos quadros e modificando também a história da música e do rádio paraense. Quem, em Belém, não conhece o ‘Cantinho dos Beatles’ e ‘No tempo dos Titios’? 

 

Para comemorar essa data tão especial, a Rádio Cultura realiza ao longo do mês de março uma programação especial em homenagem à Feira do Som e ao seu criador, Edgar Augusto.

 

Fique ligado na 93,7 FM!