Quiere comprar pastillas de potencia Venda De Viagra Brasil La entrega de tabletas se produce en la normal imperceptible el sobre y se respeta la confidencialidad de la.

Se Rasgum no Festival dos Festivais

Se Rasgum no Festival dos Festivais

A live do festival Se Rasgum será neste sábado (2), às 20h.
Foto em destaque
 
Ao lado de Bananada (GO), Carambola (AL), DoSol (RN), GTR (PE), Radioca (BA), Sarará (MG) e Wehoo (PE), o Festival Se Rasgum (PA) integra o projeto “Devassa Tropical Ao Vivo – O Festival dos Festivais”, o qual traz quatro dias de lives. Elas serão realizadas de quinta (30) a domingo (3) e vão reunir 34 atrações musicais no canal da marca no YouTube. Os artistas Jards Macalé, Larissa Luz, André Abujamra & Marisa Brito e Keila são as atrações da edição online do Se Rasgum, que será a partir das 20h, no sábado (2). 
 
 
O projeto de reunir vários festivais em uma transmissão ao vivo pela internet tem como objetivo beneficiar produtores, artistas, técnicos e demais profissionais que trabalham no mercado de música ao vivo. Muitos deles estarão sem trabalho por tempo indeterminado devido a pandemia do novo coronavírus (Covid-19). 
 
 
Um dos destaques da programação do Se Rasgum é o cantor e compositor carioca Jards Macalé. Ele é uma das figuras responsáveis por definir a cara do movimento tropicalista e assinou a produção de alguns clássicos da discografia brasileira como "Gal" (1969) e "LeGal" (1970), de Gal Costa, além de “Transa” (1972), de Caetano Veloso. Isso sem contar com o próprio disco homônimo de estreia, em 1972, composto em parceria com o poeta Wally Salomão (1943-2003). O trabalho dos dois rendeu alguns dos maiores hits da carreira do músico como “Mal Secreto” e “Vapor Barato”.
 
 
Aos 77 anos, Jards se reafirma como um artista de seu tempo. Ano passado, lançou o novo álbum “Besta Fera”, o primeiro de músicas inéditas depois de duas décadas. Para o mais recente trabalho, o músico se rodeou de uma nova geração de artistas como Romulo Fróes, Kiko Dinucci, Ava Rocha, Capinam, Clima, Rodrigo Campos, Thomas Harres e Tim Bernardes.  O show será uma oportunidade única de conferir o novo disco no local onde foi concebido, o sítio de Jards em Penedo, no interior do Rio de Janeiro, onde costuma ir para criar novas músicas e arranjos. “Besta Fera” foi indicado ao Grammy Latino 2019 como “Melhor Álbum de Música Popular Brasileira”, e teve uma turnê de divulgação concorrida, com ingressos esgotados.
 
 
Uma parceria exclusiva desta edição será a apresentação de André Abujamra e Marisa Brito. O músico paulista que integrou as bandas Os Mulheres Negras, Karnak, Turk e o projeto eletrônico Fat Marley, agora se une a cantora e compositora paraense, ex-vocalista da banda A Euterpia, para fazerem um resumo musical da carreira de ambos, além de apresentar algumas canções inéditas.
 
 
Outra artista paraense que integra a programação é a cantora Keila, ex-Gang do Eletro. O primeiro álbum de estúdio em carreira solo, batizado de “Malaka”, teve estreia no 14º Festival Se Rasgum, em 2019. Neste trabalho, artista envereda para além do eletromelody e junta ao estilo sonoridades de outras periferias brasileiras como o funk carioca, o trap e o batidão do Nordeste.
 
 
A cantora baiana Larissa Luz também surpreendeu no ultimo Se Rasgum. Em passagem por Belém, apresentou o repertório de “Trovão”, o novo disco inspirado na estética afrofuturista. Uma mistura a ancestralidade das religiões afrodescendentes com a batida eletrônica. Ainda se apresentam dentro do projeto “Devassa Tropical Ao Vivo – O Festival dos Festivais”, artistas como Marcelo Falcão, Chico César, Ana Cañas, Rael, Luedji Luna, Tulipa Ruiz, Liniker e Os Camarelows, Zeca Baleiro e Tropkillaz.
 
 
Doações
 
 
Além de investir na cena musical independente, com remuneração para artistas e técnicos neste período, o projeto também vai promover uma campanha de doações durante a programação, que vai estimular a ajuda direta do público por meio da plataforma Sympla (sympla.com/devassatropical). Todo o dinheiro arrecadado virtualmente será distribuído a ações nas cidades dos festivais para ajudar técnicos de som, roadies, técnicos de luz, montadores, motoristas, apoios, entre outros. Para maiores informações de como ajudar, acesse o perfil
 
 
As doações já podem ser feitas. A ideia é que a página fique no ar por mais um tempo após o último dia de evento, para aumentar a arrecadação. O montante arrecadado vai ser dividido igualmente entre os oito festivais e cada festival será responsável por repassar estes valores para os profissionais da base e prestar contas para Devassa no fim do processo.
 
 
 
Serviço
 
 
“Devassa Tropical Ao Vivo – O Festival dos Festivais” 
 
Youtube: https://www.youtube.com/devassa
 
 
Programação Completa
 
 
30/04 (quinta-feira)
 
 
17h - Festival Radioca: Josyara, Mallu Magalhães, Teago Oliveira e Anelis Assumpção + Curumin.
 
20h - Festival GTR: Mestre Anderson Miguel, Tagore, Lia de Itamaracá + DJ Dolores e Schevchenko e Elloco.
 
 
01/05 (sexta-feira)
 
 
17h - Festival Wehoo:  Flaira Ferro,  Biarritz, Francisco El Hombre + Luê, Marcelo Falcão e mais uma atração surpresa.
 
20h - Festival DoSol: Plutão Já Foi Planeta, Luísa e os Alquimistas, Potyguara Bardo e Heavy Baile.
 
 
 
02/05 (sábado)
 
 
17h - Festival Carambola: Zeca Baleiro, Ana Cañas, Wado + Mopho e Chico César.
 
20h - Festival SeRasgum: Andre Abujamra e Marisa Brito, Jards Macalé, Keila e Larissa Luz. After: Tropkillaz
 
 
03/05 (domingo)
 
 
17h - Festival Sarará: Mariana Cavanellas, Luccas Carlos, Luedji Luna e Rael.
 
20h - Festival Bananada: Felipe Cordeiro, Boogarins, Tulipa Ruiz e Liniker e Os Caramelows. After: Baile Tropical com Patrick Tor4.
 
 
Foto:  Divulgação