Quiere comprar pastillas de potencia Venda De Viagra Brasil La entrega de tabletas se produce en la normal imperceptible el sobre y se respeta la confidencialidad de la.

Equilíbrio está sendo a marca do Parazão 2012

Imprensa

Equilíbrio está sendo a marca do Parazão 2012

Especialistas acreditam que essa será a tônica do campeonato
Logomarca do Parazão 2012

Os resultados da primeira rodada do Parazão 2012 mostraram um grande equilíbrio entre as equipes da capital e do interior. O Remo marcou 1 a 0 em cima do Águia, o Cametá venceu o Paysandu com o placar de 2 a 1, São Raimundo e São Francisco ficaram no empate por 1 a 1, e a Tuna venceu o Independente, atual campeão paraense, pelo placar de 2 a 1. Todos os jogos foram transmitidos, ao vivo, pela Rede Cultura de Comunicação (TV, Rádio e Portal Cultura). Com os resultados, a Tuna e o Cametá assumem o topo da tabela, com o Remo vindo logo em seguida. Vale lembrar que as quatro equipes melhores colocadas passam para a decisão do primeiro turno.

 

No total, a rede balançou nove vezes, e apenas o Águia de Marabá não conseguiu marcar na primeira rodada. Depois de vencer o Independente, a equipe tunante entra em campo novamente nesta terça, 17, contra o Águia de Marabá. Segundo análises dos comentaristas esportivos da capital, o São Raimundo e São Francisco fizeram a partida mais equilibrada e emocionante da primeira rodada do centenário Campeonato Paraense, em Santarém. Zé Rodrigues abriu o placar para o São Raimundo no final do primeiro tempo, mas o São Francisco chegou ao empate no segundo tempo com Rodrigão. O resultado foi o único empate da rodada.

 

A expectativa agora se concentra na rodada do meio da semana, com a Tuna pegando o Águia, onde o time de João Galvão vai tentar a recuperação. A Tuna vai querer provar que a vitória em cima do campeão paraense do ano passado, o Independente, não foi por acaso. Segundo o diretor da Rádio Cultura e comentarista esportivo, Edson Matoso, será um jogo dificílimo. “O Paysandu vai enfrentar o São Francisco, e tentar uma reabilitação fora de casa contra uma equipe motivada pela sua volta, com o bom resultado do empate em cima do São Raimundo e pela grande presença de público”, analisou Matoso.

 

Na quarta-feira, 18, o Clube do Remo joga contra o São Raimundo. “O Clube do Remo não é mais aquele timaço e o São Raimundo é ainda uma incógnita, pois os problemas de direção ainda atrapalham um pouco a vida do time”, pontuou. Ele acredita que o campeonato vai apresentar um grande equilíbrio de forças, mesmo com os grandes de Belém, Remo, Paysandu e Tuna, sendo os únicos que tem títulos nacionais marcando presença, “mas os times do interior do Estado, estão fortíssimos também”, aposta.