02/09/2023 - 14:15

Conheça o trabalho da Cruz Vermelha do Pará no Círio

Trabalhos são realizados há 42 anos durante as procissões

 

 

 

.

 

A Cruz Vermelha do Pará, que é uma das filiais da Cruz Vermelha Brasileira – a principal instituição de ajuda humanitária no mundo – de natureza filantrópica, independente e de utilidade pública internacional, está se preparando para mais um Círio de Nazaré.

 

O Projeto Círio, com 42 anos de história, é um trabalho voluntário que oferece suporte durante as principais procissões do Círio de Nazaré, como a Trasladação, Círio, Romaria da Juventude e o Círio das Crianças – todas realizadas em Belém. Ensinamentos práticos e teóricos são ensinados aos participantes.

 

“O treinamento possui duas etapas. A primeira a gente fala do Projeto Círio, a importância e a história da Cruz Vermelha para que eles entendam a forma como eles vão atuar. O segundo momento é a parte prática, em que eles aprendem o básico de primeiros socorros”, explica Yara Dias, auxiliar do departamento jurídico da Cruz Vermelha no Pará.

 

A previsão é de que seis mil voluntários, entre efetivos e temporários, participem da edição do Círio deste ano. Entre eles está a estudante Maria Eduarda Barbosa, que foi motivada pela família a integrar o projeto. “Eu vou participar da Trasladação por recomendação de uma tia minha que fez parte da Cruz Vermelha. Acho que vai ser uma experiência única e emocionante, até para quem não é católico”, afirmou.

 

Gabriela Almeida é uma voluntária efetiva e monitora no Projeto Círio. A estudante orienta que as pessoas tenham cuidados específicos na alimentação, sono e hidratação durante as procissões. “É importante se alimentar bem antes, consiga se hidratar bem também antes, durante e depois. Porque, além do nosso clima, tem um calor massivo. Protetor solar e chapéu também ajudam”, recomenda.

 

 

Inscrições


Os interessados em fazer parte do projeto podem entrar em contato com os responsáveis no Facebook da Cruz Vermelha do Pará. As inscrições seguem até o dia 12 de setembro. A simulação-geral ocorre no dia 30 de setembro.

 

As funções disponíveis são:

 

- Socorrista (Na rua): Voluntários (as) que atuam socorrendo pessoas nas ruas;

 

- Busca e paradeiro (Na rua): voluntários (as) que atuam identificando crianças por meio do Departamento de Juventude para evitar que se percam durante as procissões. Os voluntários atuantes nessa função também são responsáveis por buscar pessoas perdidas dos familiares, além de levar para o posto mais próximo e auxiliar no processo de reencontro;

 

- Lancheiro (No posto): voluntários (as) que atuam na preparação e distribuição de lanches nos postos de atendimento.

 

- Registros de atendimentos (No posto): voluntários (as) que atuam no registro dos atendimentos realizados pela equipe de saúde nos postos.

 

 

 

 

Foto: Mateus Miranda

 

Por: Mateus Miranda

 

 


FUNDAÇÃO PARAENSE DE RADIOFUSÃO - FUNTELPA

Cultura Rede de Comunicação
TV • Rádio • Portal Cultura
Rua dos Pariquis, 3318 - Cremação
Belém - Pará - CEP: 66045-645
CNPJ: 11.953.923/0001-84
Tel.: 4005-7725

CULTURA REDE DE COMUNICAÇÃO
Rua dos Pariquis, 3318 - Cremação | Belém - Pará - CEP: 66045-645 | (91) 4005-7725
portalcultura.com.br © Alguns direitos reservados

 

Facebook   YouTube   Twitter   Instagram   TikTok